Arquivo de agosto de 2011

Responsabilidade Democrática

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

DEMOCRACIA

Por definição é:

Um sistema político em que a autoridade emana do conjunto dos cidadãos, baseando-se nos princípios de igualdade e liberdade.

Democracia representativa: é  a situação político-administrativa em que o povo governa através de representantes seus, periodicamente eleitos.

Não há correspondência direta de democracia com liberdade.

São  elementos diferentes na teoria e na prática.

O regime brasileiro é uma democracia, respaldada por uma constituição, por sinal, uma das mais modernas já editadas no mundo moderno.

Garantir os direitos e aplicar toda sua disposições nela expressas, é algo de difícil interpretação e uso pleno em todos os aspéctos sociais.

A garantia da liberdade de expressão, o de ir e vir, nem sempre são devidamente interpretados.

Liberdade de expressão de fato há, mas não nos esqueçamos que somos responsáveis pelo que falamos e divulgamos. O cidadão tem que ter a conciência que poderá responder pelo que expressa perante a lei. Trata-se do direito de resposta de quem se sentir ofendido ou que interprete que a informação e ou o comentário não corresponda exatamente a realidade dos fatos.

Opinião e julgamentos devem ser comedidos e preservar o respeito da livre iniciativa e compreendidos dentro da ética e bons costumes.

Quanto ao direito de ir e vir, este sim está comprometido.

Comprometido pela insegurança pública, pelo crescimento da criminalidade, refém do preconceito e até mesmo da confiança nas instituições, que tem colocado o cidadão em estado de total desamparo.

Cabe a nós buscarmos com nossos representantes, uma efetiva mobilização associado aos conceitos familiares dos bons costumes, uma virada nesta situação.

Elegemos nossos representantes, conforme o estado democrático, é de nossa responsabilidade cobrar e participar dos atos e iniciativas que inflienciam nossas vidas.

A Democracia aplica-se também a atos políticos de nossos representantes, que devem assim como todo cidadão, prestar contas do tesouro público, seu destino e aplicação  de forma clara e pública em prol da população. Para tanto o cidadão brasileiro  precisa se informar e discutir todos os aspéctos da nação que refletem em nosso cotidiano.

Lee-18/08/2011